quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Caracóis


Dois pontos à conversa:
- Estou farto.
- Do quê?
- Da pausa absoluta.
- Mas concluíste um pensamento.
- Sim. Mas isto de ser ponto final, custa-me sabes?
- Preferias ser reticências?  Assim deixavas tudo em aberto, suspenso...
- Não sei. Talvez ponto e vírgula, assim éramos dois e não três.  Iguais ainda por cima! Credo!!! Pareceria um desdobramento. E de heterónimos já chega quem basta.
- Pois...Sabes, tenho um segredo a contar-te.
- Conta, conta.
- Eu não sou um ponto.
- Ai não? Queres dizer-me que és dois pontos?!
- Não... Sou mais tipo asterisco...
- Asterisco, como uma frase agramatical, nota ou omissão?
- Não nada disso.
 Tenho caracóis!