terça-feira, 2 de agosto de 2016




Na cesura do verso
alexandrino cai a rima,
a métrica em redondilha,
menor,  tão pequena, tão nada 
que o verso na dobra
vira sílaba condensada,
mínima, nota apenas.